Buscar
  • Emilio Neto

STF DECIDIU PELA VACINAÇÃO OBRIGATÓRIA

O STF decidiu sobre a obrigatoriedade da vacina, um tema polêmico e totalmente politizado pelo presidente da república.

O desconhecimento e o descrédito às vacinas pregado pelo chefe de estado brasileiro, continua a ocupar os principais canais da mídia brasileira e gerar diálogos toscos entre a equipe de governo, governadores e a imprensa pelo país.

Ao responder perguntas dos repórteres no último dia 18, novamente o presidente utilizou uma retórica violenta e desnudada de conhecimento e de verdade para com os veículos de imprensa. Abrimos aspas para a fala presidencial: “Ô imbecil, ô idiota. Eu já tive o vírus e eu já tenho os anticorpos. Para que tomar vacina de novo?”.

O deputado federal Alexandre Padilha reagiu: “Bolsonaro está deixando evidente porque inventou o debate sobre obrigatoriedade, é porque não investe para termos vacinas para todos”, criticou.

Outra fala de Jair Bolsonaro que preocupou e muito a nação brasileira é que segundo ele, não deve haver preocupação pois não haverá vacina para todo mundo; “não queiram me obrigar a tomar uma posição que vai na contramão daquilo que eu sou. Então, com todo respeito ao Supremo, tomou uma medida antecipada, nem vacina tem. Não vai ter para todo mundo”.

Em seguida o TCU (Tribunal de Contas da União) que acompanha as ações do governo após a 5ª auditoria, decidiu que governo não tem um plano estratégico para o enfrentamento da Covid-19.

Dentro deste cenário ainda temos o aumento das contaminações pelo estado do Rio Grande do Sul e pelo país inteiro, e no caso específico de Canoas a bandeira vermelha permanece, causando ainda maior preocupação em um momento de festas de fim de ano e aglomerações constantes.

Exatamente imersos nesta realidade é que precisamos de calma, prudência, empatia com a camada mais desprotegida da sociedade, neste verdadeiro circo de horrores que vivemos atualmente, e onde a ciência, a serenidade e o equilíbrio, são constantemente atacados da pior forma possível, pelo despreparo, pela ignorância e pela violência.


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo